sexta-feira, agosto 27, 2010

quando o calor aperta...

a bobina, tal como a dona, ainda não teve as chamadas férias de verão. temos estado por cá, a trabalhar como se nada fosse, e a tirar o melhor partido de estar em lisboa por esta altura do ano. de qualquer maneira, enquanto a dona aproveita a praia à tarde, a bobina aproveita-a à noite. ontem, lá foi, pôr as patinhas na areia fresca e fazer uns sprints e umas derrapagens, para inglês ver, ali para os lados de carcavelos. e quem disse que pela noite refresca? a bobina deciciu por sua conta e risco lançar-se para dentro de umas belas poças alojadas entre as rochas, à beira mar. escolheu umas duas ou três e para lá saltou e nadou, à cão como se quer, até só restar um focinho lindo cá fora. etapa seguinte? correr disparada para areia, pois está claro, para se rebolar a ver se a água sai. numa espécie de croquete atómico, deu mais umas voltas à velocidade da luz pelo areal e caiu redonda no meio da praia, focinho enterrado na areia, a descansar uns bons 10 segundos. depois dos espectáculo foi fazer amigos lá para cima, sacudindo-se à vontade do freguês, estrada fora, até secar. e depois do banho, hoje de manhã, está pronta para outra, de pêlo esvoçante e cara lavada outra vez.

Sem comentários: