sábado, julho 12, 2008

how does it feel...?




a presença, a alma, a energia e o desconcerto inexplicável de músicas que nunca ouvimos sequer, mas que nos batem a mil e nos desfazem por dentro em emoções que não sabemos de onde vêm. imagine-se a força com que saem disparadas do palco as que nos dizem muito... o respeito incomensurável. a empatia conquistada com o sorriso final, e o incontrolável medo de que isto acabe tudo um dia.