terça-feira, maio 20, 2008

not a word......

o problema está todo em depositarmos expectativas irreais uns nos outros. até porque esses outros não fazem ideia dos mundos e fundos que esperamos deles. e às vezes, nem sendo assim tanto o que esperamos, é muito para eles na mesma. e o que não deixa volta a dar a isto, é que a disparidade dos valores do que esperamos e do que nos pode ser na realidade dado, não podem ser confrontados de antemão. é este o dia-a-dia dos amigos. tentar corresponder às expectativas uns dos outros, sem deixar mortos e feridos pelo caminho. tudo se desmorona quando tal não acontece. o chão desaparece.

1 comentário:

sokitsym disse...

Se me permites, citaria Pessoa:

"Nunca amamos ninguém. Amamos, tão somente, a ideia que fazemos de alguém. Portanto, é a nós próprios que amamos, é a uma ideia nossa que nos prendemos".

No entanto, não ter expectativas é também uma forma de "expectativar". As pessoas aguardam sempre um resultado. Se não contássemos "apanhar o comboio àquela hora", teríamos saído mais tarde (a menos que tivessemos algo para fazer pelo caminho e que pudesse ser feito antes de apanhar o comboio).